Turismo em Foz do Iguaçu registra aumento em julho

Com certificados sanitários e muitos lugares ao ar livre para visitar, o turismo dá sinais de retomada. Antes mesmo de fechar o mês de julho, as visitas à Itaipu Binacional passaram de 20 mil turistas.

As férias escolares impulsionam a visitação e trouxeram um total de 20.808 pessoas à usina de Itaipu, neste mês. De 1º a 26 de julho, 19.651 turistas passaram pelos atrativos da hidrelétrica, como a Visita Panorâmica e os roteiros no Ecomuseu e no Refúgio Biológico Bela Vista. Movimento é reflexo da campanha Vem para Foz, da Itaipu e parceiros, e da vacinação em massa da covid-19 no município.

No Complexo Turístico do lado paraguaio da usina, foram 481 visitantes no mesmo período. As visitas institucionais, que também tinham sido afetadas pela pandemia, já voltaram a funcionar. No lado brasileiro, foram 118 no mês de julho. Na margem paraguaia, 558.

O cenário de 2021 é muito diferente do ano passado. Como grande parte dos atrativos de Foz, a usina só voltou a receber turistas em 22 de julho, tendo permanecido fechada para visitação devido a um decreto estadual. Na ocasião, foram 579 visitantes entre os dias 22 e 31 de julho.

A recuperação também é sentida em outros atrativos de Foz, como no Parque Nacional do Iguaçu, onde estão as Cataratas, carro-chefe do turismo local. Em junho, foram 27.739 visitantes. O Parque permaneceu fechado de 1º de julho a 3 de agosto de 2020, também em função da pandemia.

Vem pra Foz

Considerado destino seguro pela adoção de práticas sanitárias pioneiras, no ano passado, Foz do Iguaçu saiu na frente e conseguiu mitigar os efeitos da pandemia, promovendo uma visitação segura. A campanha ganhou uma nova edição neste ano e foi lançada neste mês.

“Estamos trabalhando cada vez mais para que a atividade turística seja retomada. Além da campanha Vem para Foz, estamos investindo em capacitação dos serviços, oferecendo oportunidade de reciclagem para muitos trabalhadores do ramo”, diz o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general João Francisco Ferreira.

“Quando tudo voltar ao normal, como já está ocorrendo, o Destino Iguaçu sairá mais uma vez na frente”, completou. A superintendente de Comunicação Social e de Turismo de Itaipu, Patrícia Iunovich, área responsável pela campanha em construção com todo o trade, acredita que o resultado positivo se deve em boa parte à adesão do público de forma geral.

A segunda edição da campanha “Vem pra Foz!” começou a ser divulgada em vários veículos de comunicação no último dia 12.

Assim como na primeira edição, divulgada em setembro do ano passado, a campanha incentiva a volta dos turistas ao Destino Iguaçu, um dos mais bonitos de todo o mundo e que foi bastante impactado pela crise provocada pelo novo coronavírus. A iniciativa tem o turismo como principal atividade econômica da região de Foz do Iguaçu, cidade-sede da usina de Itaipu. O turismo é um dos pilares da missão da binacional.

Com o mote “Natureza, emoção e muita energia. Várias viagens num só destino”, a ideia da campanha é mostrar que a região tem um grande pacote de atrativos, como as Cataratas do Iguaçu, a Itaipu, o Marco das Três Fronteiras, aliados a shows e diversão para toda as idades, boa hotelaria e estrutura de conforto que inclui compras e gastronomia diversificada em uma região que reúne três fronteiras: Brasil, Paraguai e Argentina. A produção é da agência Gpac com argumentação da Comunicação Social e de Turismo de Itaipu.

Destino seguro

Outro ponto positivo é a celeridade na imunização da comunidade contra o coronavírus. Um total de 73% da população de Foz do Iguaçu já tomou a primeira dose da vacina. A cidade deve ser a primeira a vacinar 100% da população adulta (acima de 18 anos) entre os principais destinos turísticos do País.

Pesquisas apontam que a preferência do brasileiro, no pós-pandemia, é por destinos turísticos próximos de casa e, por isso, os atrativos de Foz do Iguaçu já figuram entre os mais procurados. A cidade também tem três grandes eventos marcados até início de dezembro e que devem atrair 12 mil participantes.

Para informações sobre os atrativos da Itaipu, acesse https://www.turismoitaipu.com.br. Moradores de Foz do Iguaçu a municípios lindeiros ao lago de Itaipu não pagam (confira o regulamento no site).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Foz do Iguaçu apresenta ações inovadoras na Rio Innovation Week

Iniciativas digitais desenvolvidas na cidade ganharão destaque durante um dos maiores eventos do setor na América Latina

Até o próximo domingo (16), a Secretaria de Turismo e Projetos Estratégicos dará a Foz do Iguaçu um papel de destaque durante a Rio Innovation Week, evento que começou na quinta-feira, 13, e é considerado um dos mais completos encontros de tecnologia e inovação da América Latina.

No espaço “Sociedade 5.0”, a servidora da pasta, Andressa Szekut, ministrou uma palestra sobre a transformação inovadora que Foz do Iguaçu está vivenciando. Entre os principais pontos apresentados, estavam as ações desenvolvidas pelo Município para estabelecer um ambiente favorável à pesquisa, inovação e o empreendedorismo, com foco em atração de investimentos.

Como convidada do Ministério do Turismo, Foz também está participando, na “Turistech Zone”, da Câmara 4.0, um espaço para trocar experiências com os demais destinos que estão no programa de Destino Turísticos Inteligentes do MTUR, além de conhecer iniciativas inovadoras e startups do setor.

“Apresentar as iniciativas que estão sendo desenvolvidas em Foz do Iguaçu em um evento deste porte faz parte da estratégia de tornar Foz do Iguaçu reconhecida como polo de inovação e empreendedorismo, para o fortalecimento e a diversificação da economia da cidade”, afirma o secretário de Turismo, Projetos Estratégicos e Inovação, Paulo Angeli.

A prefeitura participa do evento junto com o Parque Tecnológico de Itaipu – Brasil (PTI-BR), que está como expositor, divulgando as iniciativas e soluções realizadas no Programa Vila A Inteligente, além de prospectar empresas para o Smart Vitrine e parceiros estratégicos para o Hub Iguassu. O PTI irá apresentar também os projetos nas áreas de energia e inovação aberta.

Palestrantes

Entre os mais de 500 palestrantes, estão nomes renomados no cenário da inovação como: Richard Branson, presidente da Virgin; Steve Wozniak, cofundador da Apple; Camila Farani, investidora-anjo do Shark Tank Brasil; Marcos Pontes, ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação; Marcos Gurgel, diretor de Corporate Venture & Open Innovation no iFood, entre outros.

A estrutura oferece 15 palcos em 40 mil m², reunindo mais de mil startups e 190 expositores, com mais de 20 espaços de exposição com diversas temáticas.

Onça-pintada é flagrada passeando por rodovia do Parque Nacional do Iguaçu

Onça-pintada foi flagrada em rodovia do Parque Nacional do Iguaçu — Foto: Reprodução

Uma onça-pintada foi flagrada na manhã de quarta-feira (12) passeando por uma rodovia no Parque Nacional do Iguaçu, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. O local é utilizado por funcionários do Parque e por turistas para acessar as Cataratas do Iguaçu.

O autor das imagens é o brigadista de incêndio do parque, Everson Souza da Silva Faleia. Ele explicou que passa pelo local diariamente orientando os motoristas que utilizam a via, para conscientizar sobre a proteção da fauna no local.

“Estava fazendo monitoramento da rodoviária, no projeto do setor de pesquisa, para evitar animais atropelados na rodovia. Conscientizamos os motoristas que no parque nacional precisamos proteger nossa fauna reduzindo a velocidade e dobrando a atenção.”

Especialistas do Projeto Onças do Iguaçu acreditam que essa seja a onça Indira, que nasceu no parque em 2018 e desde então vem sendo monitorada pelo projeto.

Para ver o vídeo e continuar lendo a matéria acesse G1 Globo.