Trecho urbano da BR-277 em Foz do Iguaçu deve receber uma nova iluminação

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) publicou o edital para licitar a implantação de iluminação pública na BR-277 dentro dos trechos urbanos de três municípios da região Oeste. Com investimento previsto de R$ 13,97 milhões, serão contemplados cerca de 20 quilômetros da rodovia em Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu e São Miguel do Iguaçu, trazendo mais segurança para condutores e pedestres.

A obra é resultado de um convênio entre Governo do Paraná, governo federal e a Itaipu. O investimento é da Binacional.

“Iniciamos essa monumental parceria com a Itaipu Binacional pela nova Ponte da Integração Brasil – Paraguai, e os resultados são tão positivos que abriram as portas para a assinatura de ainda mais convênios, que vão revolucionar a infraestrutura viária na região Oeste e Noroeste”, afirma o secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Sandro Alex.

“Além desse edital de iluminação da BR-277, vamos licitar em breve a duplicação da Rodovia das Cataratas, e já temos em andamento também a perimetral Leste de foz do Iguaçu, a pavimentação da Estrada Boiadeira, perto de Umuarama, e começando a duplicação da BR-277 em Cascavel”, destaca o secretário.

Prazo – As empresas interessadas devem protocolar seus envelopes com propostas de preços e com documentos de habilitação até o dia 15 de julho na sede do DER/PR em Curitiba. A licitação utiliza a modalidade Concorrência Pública, em que o vencedor é definido pela proposta de preço mais vantajosa. A abertura dos envelopes de preços será realizada no dia seguinte, às 14h, no auditório do DER/PR, com transmissão pela internet.

“O edital prevê a instalação de postes de aço no canteiro central da BR-277 dentro dos três municípios, com a rede elétrica subterrânea, visando preservar os cabos contra a ação do clima e evitar a poluição visual. A iluminação em si será feita com luminárias LED de 250 watts”, explica o diretor-geral do DER/PR, Fernando Furiatti.

“A rodovia conta com sinalização apropriada para o tráfego noturno, mas a iluminação viária proporciona ainda mais segurança, especialmente em travessias urbanas, reduzindo o número de acidentes e atropelamentos”, acrescenta.

O prazo para execução da obra será de 540 dias (18 meses) após assinatura do contrato e emissão da ordem de serviço. O edital, demais documentos e o link para acompanhar a sessão de abertura de envelopes ficam disponíveis no portal Compras Paraná (clique aqui).

Foto: divulgação/DER

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cataratas do Iguaçu estão entre os 12 lugares mais lindos do mundo

A empresa de viagens britânica Kuoni classificou os 12 lugares mais lindo do mundo, entre eles, as Cataratas do Iguaçu, em Foz do Iguaçu. Para a escolha, a empresa se utilizou da ciência.

Por meio de rastreamento ocular e inteligência artificial, a Kuoni classificou os que seriam os locais mais atraentes ao olho humano. No Brasil, a lista foi divulgada pelo portal Melhores Destinos. Segundo a ciência, esse seria o resultado:

1 – Lago Peyto, no Canadá
2 – Ilha Meeru – Maldivas
3 – Costa Jurássica – Inglaterra
4. Parque Nacional Yosemite – Estados Unidos
5 – Lago Tekapo – Nova Zelândia
6 – Cataratas do Niágara – Canadá
7 – Snowdon – País de Gales
8 – Rio Subterrâneo Puerto Princesa – Filipinas
9 – Catedral de Mármore – Chile
10 – Floresta Nacional de El Yunque – Porto Rico
11 – Aurora Boreal – Islândia
12 – Cataratas do Iguaçu – Brasil

Trevo do Charrua deve ganhar viaduto, informou secretário de Planejamento

O secretaria de Planejamento e Captação de Recursos de Foz do Iguaçu, Leandro Costa, informou que no último mês de novembro se reuniu com a equipe da empresa Engemin, responsável pela execução do projeto que pretende resolver o problema de mobilidade no trevo do Charrua, no trecho urbano da BR 277.

Segundo Costa, no local deverá ser construído um viaduto, com projeto doado ao município pelo Fundo Iguaçu, com entrega prevista ainda para este mês de janeiro. A informação foi dada nesta sexta-feira (14) durante o programa Contraponto, da Rádio Cultura.

Rádio Cultura