Requião Filho pede ao TCE/PR que investigue compra de uniformes para os Colégios Cívico-Militares

O deputado Requião Filho (MDB) encaminhou, nesta sexta-feira (18), ao Tribunal de Contas do Estado do Paraná um pedido para que seja feita uma análise detalhada sobre o Edital de Licitação, na Modalidade Pregão Eletrônico, nº 111/2021, para a aquisição dos uniformes a serem destinados aos alunos dos Colégios Cívico-Militares.

Segundo o parlamentar, há pontos no Edital que devem ser avaliados com mais cautela, como a exigência de alto capital social, prazo exíguo de entrega e renúncia aos benefícios legais conferidos aos micros e pequenos empreendedores.

“Neste momento de crise financeira que o Paraná enfrenta, diante dos inúmeros desafios impostos pela pandemia de Covid-19, não é crível que os empresários paranaenses que tanto estão sofrendo não possam participar da licitação”, afirmou o Requião Filho.

O ofício ressalta ainda que o Edital pode não ter observado os princípios impostos à administração pública, visto que as exigências apresentadas deixam de fora do certame empresas de menor porte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nova onça-pintada é flagrada no Parque Nacional do Iguaçu

Uma nova onça-pintada foi flagrada no Parque Nacional do Iguaçu, na região de Foz do Iguaçu. O animal é um macho, aparentemente jovem.  A espécie que é ameaçada de extinção, é monitorada pelo Projeto Onças do Iguaçu. De acordo com coordenadora do projeto, Yara Barros o animal nunca havia sido registrado no Parque Nacional do Iguaçu, no Brasil e nem no Parque Nacional Iguazú (Argentina).
“A presença de novas onças, de uma nova população que está crescendo, que está se reproduzindo, significa um habitat que tem todos os requerimentos que a espécie precisa pra sobreviver. Então, sempre, novos filhotes, novas onças registradas, é sempre um sinal de esperança na recuperação da espécie. Esperança de que a gente possa realmente conservar essa espécie tão ameaçada de extinção”, disse Yara Barros.
A imagem da onça foi  capturada por uma das 60 armadilhas fotográficas do projeto, espelhadas pelo parque, Nela  é possível ver o animal andando pela mata e cheirando uma árvore chamada peroba-rosa, que segundo Yara, é uma planta utilizada por outras onças pardas e pintadas como arranhador.
As onças são identificadas por meio do padrão das manchas, que são únicas em cada animal, como se fosse uma impressão digital.
Por meio dos pontos de monitoramento entre Brasil e Argentina, foram coletadas 693 mil imagens, flagrantes que mostram como as onças se comportam longe da presença do homem.

Assessoria
Foto: reprodução

Filipe Barros anuncia pré-candidatura ao Governo do PR

arlamentar estará em Ponta Grossa nesta quinta-feira (27), se reunindo com lideranças da direita

O deputado federal do Paraná, Filipe Barros (PSL), anunciou sua pré-candidatura ao Governo do Paraná nas eleições deste ano. Ele é o quarto nome que se coloca à disposição para estar à frente do Estado. Parlamentar pela cidade de Londrina, Filipe estará em Ponta Grossa nesta quinta-feira (27), conversando com lideranças da direita – ele deve receber apoio do atual presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (PL).

Cumprindo seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados, Filipe já ocupou uma cadeira na Câmara Municipal de Londrina entre 2016 e 2018. Em entrevista para um blog de política paranaense, o pré-candidato disse que tenta polarizar uma disputa com o atual governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) – que deve tentar a reeleição. “O governador quer ter palanque para Moro, Lula e Bolsonaro. Não existe isso na política. O presidente Jair Bolsonaro me questionou se eu toparia sair como candidato a governador”, explicou.

Nos bastidores, Filipe Barros tem simpatia do líder do Governo Federal na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros (PP), que pode indicar o vice na chapa de direita. Na entrevista, ele fez críticas ao atual governador. “Um dos piores, senão o pior governo da história do Paraná. Como um rato, ele se esconde. Ele não deixou legado no Estado”, ressaltou.

Apesar do anúncio, Filipe também chamou a atenção quando se colocou como candidato à Prefeitura de Londrina em 2020. Na ocasião, acabou recuando da decisão. O pré-candidato bolsonarista ao Governo do Estado também disse que deixará o Partido Social Liberal (PSL) – futuro União Brasil, com a junção com o Democratas. O União Brasil tem se aproximado do pré-candidato à presidência da República, Sergio Moro (Podemos).

Outros candidatos

Além de Filipe Barros, os outros nomes que devem concorrer para governador do Paraná são: Ratinho Junior (PSD), Cesar Silvestri Filho (PSDB) e Roberto Requião (sem partido).