Recanto Cataratas investe R$ 60 milhões na retomada do turismo de Foz do Iguaçu

Resort reformulou o Convention Center, finalizou uma nova ala com 224 apartamentos e instalou uma usina de energia solar

A alta temporada de turismo vai contar com novos equipamentos de hospedagem e a hotelaria aproveitou a pandemia e ampliou o leque de opções em Foz do Iguaçu. O resort Recanto Cataratas, por exemplo, construiu recentemente a Ala Collection, com 224 unidades de categoria premium, conectado através de uma passarela às demais alas, Prime e Master. O hotel instalou uma usina de energia solar com capacidade para alimentar todo o complexo e ampliou o Convention Center Maestra, agora preparado para eventos físicos e virtuais. O investimento somou mais de R$ 60 milhões.

“Criamos a Ala Collection para ser um produto moderno daqui a dez anos e é um investimento muito importante. Queremos entregar sempre uma experiência diferenciada aos hóspedes. Observamos que os hotéis que passam de 500 apartamentos, que é o nosso caso, com uma recepção que só não entrega uma experiência bacana no checkin e checkout, welcome drink e outras demandas. A nova ala tem recepção independente, restaurante, piscinas, jogos, fitness”, disse o diretor comercial, Edilson Andrade. 

“O complexo agora tem um “jardim gourmet” com quatro restaurantes, cinco bares, bistrô, praça entretenimento, a atração das piscinas termais, piscina térmica, tênis, futebol, trilhas, entretenimento e muito mais”, completou.

Sustentabilidade

O complexo aproveitou o período de menor movimento causado pela pandemia para repensar a sustentabilidade e o cuidado com o meio ambiente. O resort instalou a maior usina fotovoltaica em ambientes urbanos na América do Sul. A usina tem 1.888 placas fotovoltaicas e vai produzir 2,7 megawatts de energia elétrica, suficiente para alimentar o resort com mais de 500 apartamentos e todas as suas estruturas e ainda repassar o excedente para a rede de energia da Copel.

“Como somos um resort termal, os prêmios que recebemos, o último e mais importante Best of the Best (participante dos 1% dos melhores hotéis do mundo) nos traz responsabilidades. Temos protocolos e cuidados especiais por explorarmos o lençol freático do Aquífero Guarani, e aprendemos muito com isso também. Temos quase 40% da área de 150 mil metros quadrados do complexo, protegida com mata nativa. Há mais de 10 anos, temos uma estação de reabastecimento para veículos elétricos, e então somos pioneiros nesta questão de sustentabilidade”, destacou Edilson Andrade.

Eventos

O Maestra Convention Center, agora tem um novo formato na realização de eventos que atenderá aos novos desafios dos profissionais do setor. O Hybrid Maestra utilizará a estrutura do Convention Center, oferecendo espaços amplos, flexíveis e tecnológicos, além de serviços altamente especializados, funcionando como um imenso estúdio para eventos online e híbridos. O Maestra Convention recebeu o selo Ready4You, manual criado pelo resort, que reúne todos os procedimentos e protocolos sanitários emitidos pelas autoridades de saúde.

O setor de eventos do complexo deve ser movimentado neste segundo semestre, já recebe pedidos para diversos eventos e alguns já foram confirmados. “As expectativas em relação aos eventos sempre foram muito grandes porque era um negócio muito importante, não só para nós como para o destino todo. Mas isso foi pulverizado devido à pandemia. Agora que a cidade já se encontra disponível e livre para realizar eventos sem restrições, é necessário que os organizadores se sintam seguros para desenvolver e colocar em andamento os projetos que tinham e foram cancelados em 2020 e esse ano”, completou Andrade.

SERVIÇO

Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention
Avenida Costa e Silva, 3500 – Foz do Iguaçu –PR.
Estacionamento no local
Mais informações: (45) 2102-3000
www.recantocataratasresort.com.br.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Secretaria de Turismo leva marca do Destino Iguaçu para feira de turismo em Madri, na Espanha

Além de estreitar laços com o mercado europeu, a participação no evento visa apresentar Foz como um destino cada vez mais diversificado e preparado

A Secretaria Municipal de Turismo e Projetos Estratégicos retomou as ações de promoção internacional do Destino Iguaçu em 2022. A pasta está representando o turismo de Foz do Iguaçu na Feira Internacional de Turismo de Madri (Fitur), na Espanha, que começou no último dia 19 e vai até 23 de janeiro.

O Destino Foz do Iguaçu é coexpositor no estande do Brasil, desenvolvido e organizado pela Embratur. A servidora Célia Andrade é a encarregada de apresentar os atrativos da cidade e destacar como Foz mantém um protocolo seguro contra o coronavírus, com todas as medidas necessárias sendo adotadas.

Outro importante objetivo é retomar e atualizar a rede de contatos, aproximando Foz do Iguaçu dos compradores internacionais de turismo da Europa. A cidade também conta com Eduardo Prinz, representante do Visit, que busca também fortalecer e potencializar as ações da gestão integrada do turismo de Foz do Iguaçu.

Os contatos durante o evento atendem diversas demandas do mercado, principalmente ao de atualizações junto aos DMCs (operadoras) no estande do Brasil, buscando informações e atualização. Um dos exemplos são os procedimentos de fronteira e trânsito de turistas entre Brasil e Argentina, atualização sobre novos atrativos, restaurantes, estrutura, serviços turísticos, documentação e atestados sanitários necessários para a entrada no Brasil, bem como informações gerais a respeito da recuperação do turismo nos dias atuais.

A Fitur abre o calendário anual de feiras de turismo no mundo, com 69 mil m² de exposição, distribuídos em sete pavilhões. A capital espanhola também é a sede da Organização Mundial de Turismo.

Parcerias europeias

Durante os dois primeiros dias de evento, além dos atendimentos do estande, Foz do Iguaçu teve a oportunidade de capacitar agentes de viagem, ao realizar uma apresentação do Destino Iguaçu.

Também pôde estabelecer diálogo com o departamento de marketing da Embaixada do Brasil em Madrid, com a finalidade de oportunizar disseminação de Informações pelos canais oficiais e fortalecer o relacionamento com a Embaixada, para atuar em futuras ações de promoção em parceria.

O secretário de Turismo e Projetos Estratégicos, Paulo Angeli, conta que a participação de Foz neste evento é essencial para que a cidade se posicione como um destino turístico mundial.

“Mesmo enfrentando uma nova onda de casos de Covid no país, seguimos todos os protocolos sanitários necessários e incentivamos a vacinação em massa. A participação de Foz do Iguaçu na feira em Madrid faz parte de uma avaliação da pasta, para termos um retorno positivo para o turismo da cidade”, ressalta Angeli.

Chico Brasileiro sanciona lei para reposição de 8,35% para o funcionalismo público

O prefeito Chico Brasileiro sancionou, na tarde desta quinta-feira (20), as leis que preveem a reposição salarial de 8,35% para o funcionalismo público e também o abono e a atualização do piso salarial dos professores da rede municipal de ensino. De iniciativa do poder executivo, os textos tramitaram de forma célere na Câmara Municipal e serão publicados em Diário Oficial ainda nesta quinta-feira (20).

A administração municipal pode garantir os direitos e os benefícios aos servidores devido às ações de austeridade, que mantêm as contas de Foz do Iguaçu equilibradas. Por conta disso, o índice de reajuste concedido por Foz do Iguaçu é um dos mais altos do Paraná.

“Por conta das contas equilibradas e com revogação da Lei Complementar Nº 173/2020, que proibia a concessão de benefícios ao funcionalismo público em todo o território nacional, este ano está sendo possível retomar as melhorias no funcionalismo público, conforme tínhamos assumido o compromisso junto aos servidores e servidoras do Município”, afirmou o prefeito Chico Brasileiro.

“Além de beneficiar diretamente o funcionalismo, as medidas também contribuirão para o aquecimento da economia local. Devemos enaltecer a participação dos vereadores e vereadoras, que dentro da harmonia e com independência, atuaram com muita celeridade na condução do processo legislativo”, emendou Brasileiro.

O Abono de Valorização dos Profissionais da Educação estabelece um valor de R$ 1818,30, que será pago aos mais de 2,5 mil servidores na folha de pagamento da competência de janeiro de 2022. O piso salarial dos professores passou a ser de R$ 2 mil para professores que cumprem 20 horas semanais, e R$ 4 mil para aqueles que atuam 40 horas.

“A Câmara Municipal, através dos seus vereadores e vereadoras, vem cumprindo o seu papel constitucional de dar grandes constituições à cidade. As medidas que estão sendo sancionadas hoje contaram com o apoio de todo o poder legislativo, que trabalhou muito para que os processos fossem analisados e votados em tempo recorde”, comentou o presidente da câmara, Ney Patrício.

Compromisso
Desde o início das negociações com os sindicatos, a atual gestão municipal manteve o compromisso de implantar os direitos e melhorias para os servidores públicos de Foz do Iguaçu.

“Quando há disposição, os avanços acontecem e nós sempre estivemos abertos para os diálogos, porque estamos comprometidos com as garantias e direitos dos servidores. A sanção dessas leis hoje demonstra um movimento importante e saudável da democracia, e também revela que, mesmo em meio a crise que enfrentamos mundialmente, a prefeitura conseguiu manter as contas equilibradas e honrar com os compromissos firmados”, reforçou o secretário de Administração, Nilton Bobato.

Pacote de avanços
Além da reposição e dos avanços nas carreiras dos professores e trabalhadores da educação, o Município cumprirá outros compromissos assumidos, que agora são possíveis com a extinção da Lei Complementar Federal Nº173/2020.

São eles: pagamento de referências para mais de 20 cargos – entre eles, dos agentes de apoio, que recebem atualmente os menores salários do município, e a implantação do adicional de insalubridade por ambiente de trabalho. Esse último representa um importante marco histórico na gestão, com a publicação do Decreto N°29.846/2021, que regulamentou o direito aos servidores municipais.

A prefeitura também dará continuidade ao parcelamento feito no ano passado das progressões atrasadas antes do período da vigência da Lei Nº173/2020.

AMN