Paraná terá apoio da Força Nacional de Segurança na região Oeste

O Ministério da Justiça e Segurança Pública autorizou nesta segunda-feira (29) o emprego de 80 policiais da Força Nacional em apoio aos órgãos de segurança pública do Paraná. A solicitação feita pelo Estado tem caráter pontual e planejado e o efetivo será utilizado estrategicamente nos municípios de Guaíra, Icaraíma, Alto Paraíso e Foz do Iguaçu. A informação sobre a autorização foi repassada ao secretário de Estado da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, nesta segunda-feira em Brasília (DF). A autorização consta na portaria publicada no Diário Oficial da União.

O apoio objetiva fortalecer e colaborar nas ações conjuntas com as forças policiais de fronteiras do Paraná. Entre as atividades atribuídas à Força Ncional estão a fiscalização, pontos de bloqueios, patrulhamentos e abordagens com o intuito de localizar criminosos, contrabandistas, armas, drogas e outros ilícitos.

Os serviços são imprescindíveis à preservação da ordem pública e da segurança das pessoas e do patrimônio dos quatro municípios da região Oeste do Paraná. As equipes da Força Nacional ficarão no Estado no período de 1º de dezembro de 2021 a 5 de março de 2022.

Para o secretário Romulo Marinho Soares, o pedido foi feito para fortalecer o policiamento na região da fronteira, pois a criminalidade aumenta nesta época do ano nestas regiões. Segundo ele, o apoio tem o objetivo de coibir o contrabando e o tráfico de drogas que atuam nessa região.

“É importante ressaltar que nesse período do ano estamos com maior fluxo de pessoas devido às compras, viagens, férias, além da Operação Verão e da abertura das cancelas dos pedágios. Por isso, pedimos este reforço, que é bem-vindo e vai ajudar muito a população da região de fronteira do Paraná. A força Nacional vai combater, junto com as forças estaduais que já fazem um excelente trabalho, a criminalidade em toda área”, disse.

A operação terá o apoio logístico da Secretaria estadual da Segurança Pública, que disponibilizará toda a infraestrutura necessária à Força Nacional, e, se necessário, o prazo do apoio poderá ser prorrogado. O contingente disponibilizado responde ao planejamento definido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Força Nacional no Paraná

Desde 2004 a Força Nacional tem atuado em conjunto com as forças estaduais, por meio de programa de cooperação federativa entre a união através do Ministério da Justiça e Segurança Pública e as unidades federativas. O efetivo da Força Nacional é composto por policiais militares e civis, bombeiros militares e profissionais de perícia, mobilizados das instituições de segurança pública dos estados e do Distrito Federal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aprovação de Paranhos chega a 88,3% em Cascavel

Pesquisa do Instituto Opinião aponta que o prefeito Leonaldo Paranhos (PSC) tem 88,3% de aprovação da população de Cascavel. O levantamento, entre 4 e 8 de dezembro, entrevistou 666 moradores com idade acima de 16 anos. A margem de erro é de 3% e o grau de confiança, 95%.

A pesquisa também avaliou o governador Ratinho Júnior (PSD) e o presidente Jair Bolsonaro (PL). O relatório apontou ainda a perspectiva dos eleitores quanto às eleições gerais de 2022 e potencial dos possíveis candidatos.

Para 84,5% dos entrevistados, a cidade melhorou nos últimos cinco anos, outros 9,9% afirmam que permaneceu igual e 4,3% disseram que a cidade piorou.

Aprovado – A avaliação do governo Paranhos foi considerada boa pela maioria dos entrevistados quando questionados sobre as obras e serviços: 53,8% consideraram “bom” e 24,5% responderam “ótimo”. Paranhos também foi aprovado por 88,3% dos entrevistados contra 7,9% que desaprovam. Outros 3,8% não souberam opinar.

Para 77% a imagem do prefeito é “mais positiva”; outros 17,3% consideraram “neutra”, contra 3,2% que consideraram “mais negativa”. 2,5% não opinaram. A maioria dos eleitores, 85,8% disse gostar do prefeito. 7,2% disseram não gostar e 7% não opinaram.

Os entrevistados também responderam quanto à possibilidade de Paranhos ser candidato a vice-governador do estado com o Ratinho Júnior: 64,9% disseram que ele deve continuar como prefeito, 27,5% disseram que deve ser candidato a vice-governador e outros 7,7% não opinaram. Para 40,8%, aumenta a chance de votar em um candidato apoiado por Paranhos. Outros 47,7% disseram que não mudaria.

Intenção de voto – Na avaliação do governo de Ratinho Junior, 63,5% aprovam e outros 28,4% desaprovam. Já no governo Bolsonaro, 32,2% consideram contra 16,2% que consideram ótimo.

Na intenção de votos ao Governo do Estado, Ratinho Júnior tem 53,2% seguido por Roberto Requião (MDB) com 16%. Já nas eleições para presidente, a disputa fica dividida entre Bolsonaro, que aparece com 33,1% das intenções de voto e Lula (PT) em segundo lugar com 32%. Sérgio Moro é opção para 13,5% dos eleitores e Ciro Gomes para 5,2%.

Cataratas do Iguaçu lidera ranking das cinco melhores cachoeiras do Brasil

As Cataratas do Iguaçu lidera o ranking das cinco melhores cachoeiras do Brasil listadas pelo portal Meio Norte. O atrativo, é o local perfeito para se desconectar do mundo agitado, as cachoeiras são atração pela sua beleza, pelo fácil acesso ou pelos recordes de altura.

Popular internacionalmente, as Cataratas do Iguaçu, no Paraná, é reconhecida como um dos cenários mais bonitos da natureza no mundo. As Cataratas do Iguaçu podem ser vistas pelo lado brasileiro, no Parque Nacional do Iguaçu, e argentino, Parque Nacional Iguazú.

Com 2.700 metros de extensão, sendo 800 deles no Brasil, a cachoeira tem 150 metros de largura e 80 de altura. Esse é um dos maiores fluxos de água entre as que estão em solo nacional.

A lista do Meio Norte tem ainda a Cachoeira da Fumaça na Chapada Diamantina (Bahia), Cachoeira Santa Bárbara na Chapada dos Veadeiros (Goiás), Cascata do Caracol em Canela (Rio Grande do Sul) e Cachoeira da Velha em Jalapão, no Tocantins.