Coluna Boca Maldita de sábado, 12

32 cidades …
… em 34 dias! Na agenda em Foz do Iguaçu, a governadora Cida Borghetti disse que a maratona que tem feito desde que assumiu o cargo, em 06 de abril, é para ouvir todo o Paraná. “Nestes 34 dias de governo, já visitamos 32 cidades anunciando e benefícios que contemplam toda população”, disse. Na contabilidade de Cida não entra Foz do Iguaçu, já que esta é a segunda vez que a mesma vai até a região da tríplice fronteira entre Brasil Paraguai e Argentina.

Pleitos de Foz
Cida Borghetti lembrou que Foz do Iguaçu foi a primeira cidade que visitou após a posse. Na ocasião, ela recepcionou o presidente Michel Temer (MDB) e encaminhou uma série de pedidos de obras locais. “Ontem (quarta, 09), quando estive em Brasília, reforcei ao presidente os pedidos para uma segunda ponte entre Brasil e Paraguai, a melhoria e ampliação do Aeroporto, entre outras obras”, disse a governadora.

Assistência Social
A senadora Gleisi Hoffmann (PT) continua na cruzada contra as políticas do governo Michel Temer (MDB). Ontem ela participou, em Curitiba, do Seminário Estadual de Assistência Social, promovido pelo CRESS-PR, com objetivo de discutir as significativas mudanças que ocorreram na Política de Assistência Social nos últimos anos.

Transparência
O deputado federal João Arruda (MDB-PR), relator da nova lei de licitações, vai propor a criação de um portal para dar mais transparência nas licitações do país. Ele quer obrigar ainda as empresas a instalar câmeras para mostrar a execução dos projetos ao vivo. As informações constam de um par de notas na Coluna do Estadão de ontem. A proposta de João Arruda avança no que foi aprovado pelo Senado.

Plano de Governo
“Mais de mil sugestões dos paranaenses de todas as regiões do nosso estado estão ajudando a construir o nosso plano de governo. É preciso ouvir as pessoas onde elas estão”. Do deputado estadual Ratinho Junior, pré-candidato ao Governo do Estado, em comentário no Facebook, em postagem de fotos da reunião do Espaço Democrático, em Paranaguá.

Guaratuba
O Governo do Estado homologou o resultado da licitação para elaboração do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) que norteará a futura construção da Ponte de Guaratuba, no litoral do Paraná. A empresa Engemin Engenharia e Geologia foi a vencedora do processo promovido pelo DER-PR, com nota final de 96,44.

Surpresa
O ex-senador Osmar Dias, pré-candidato ao Governo do Estado pelo PDT, levou um susto ao chegar quinta (10), no estande da Cocamar, dentro da Expoingá em Maringá. Amigos e correligionários o aguardavam com um bolo de aniversário. “Apesar de ser meu aniversário, o parabéns vai para Maringá e a todos os cooperados que fazem desta uma empresa que muito orgulha o Paraná”, disse Osmar.

Unale
O deputado Ademir Bier (PSD) foi reconduzido no cargo de vice-presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), em eleição ontem na XXII Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais, em Gramado (RS). O deputado Ciro Simoni (PDT-RS) é o novo presidente, cargo que ocupado pelo deputado Luciano Nunes (PSDB-PI).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lula continua na frente de Bolsonaro em nova pesquisa eleitoral

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) conta com a preferência de 45% do eleitorado contra 23% do presidente Jair Bolsonaro (PL). Os números são da pesquisa do Instituto Quaest para a Genial Investimentos  divulgada nesta quarta-feira (12). Os percentuais correspondem às intenções de voto em um levantamento estimulado, isto é, quando são listados os nomes de possíveis candidatos.

A pesquisa mostra o candidato do PT com chance de vencer as eleições presidenciais no primeiro turno. Com relação à rodada anterior, porém, Lula caiu dois pontos. Tinha 47% em dezembro. O mesmo aconteceu com o presidente Bolsonaro. Ele tinha 25% e caiu para 23%.

Dentro do cenário estimulado, o ex-juiz federal e ex-ministro Sergio Moro

(Podemos) aparece com 9% das intenções de voto; Ciro Gomes (PDT) com 5%; o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), com 3%.

Nas simulações de segundo turno, Lula vence de todos os demais candidatos. Contra Bolsonaro, teria 54% contra 30%. Contra Moro, seria 50% a 30%. Contra Ciro, 52% a 21%. Com Doria, 55% a 15%. Numa disputa com o presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco, 57% a 14%.

Indecisos  – Na sondagem espontânea, quando não são apresentados nomes de candidatos aos entrevistados, o percentual de indecisos sobe para 52%.

Ainda na sondagem espontânea de intenções para presidente, o percentual de pessoas que afirmaram que votariam em Lula cai para 27%, mas ele segue à frente de Bolsonaro que registrou 16% das menções.

Além deles, os únicos a pontuar foram Sérgio Moro e Ciro Gomes, ambos com 1% das intenções de voto.

Foram ouvidas duas mil pessoas, de 6 a 9 de janeiro, e a margem de erro é de dois pontos percentuais. O nível de confiabilidade é de 95%. A pesquisa foi registrada sob o número BR-00075/2022 na Justiça Eleitoral.

Primeiro secretário da Assembleia participa da posse do desembargador José Laurindo no Conselho de Presidentes dos TJs

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), primeiro secretário da Assembleia Legislativa do Paraná, participou nesta segunda-feira (10) da posse do presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, desembargador José Laurindo, no comando do Conselho dos Presidentes dos Tribunais de Justiça (Consepre).

Romanelli, que representou a Assembleia Legislativa na cerimônia, parabenizou o desembargador José Laurindo e destacou a importância de um paranaense na presidência do Conselho. “O desembargador José Laurindo foi eleito por aclamação para comandar o trabalho de fortalecer o papel constitucional e a representatividade da justiça estadual.

O desembargador José Laurindo é o primeiro paranaense a assumir o cargo máximo do órgão que reúne os presidentes dos judiciários de 26 estados e do Distrito Federal. O Conselho busca integrar esforços para valorizar e garantir a autonomia da Justiça Estadual.

Romanelli também reforçou a boa relação entre a Assembleia Legislativa e o Tribunal de Justiça do Paraná. “Há a preocupação coincidente em tornar os poderes mais acessíveis à população, sobretudo à população mais carente. Temos construído boas soluções em conjunto com o Tribunal de Justiça do Paraná”.

Também participaram do evento o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli; o vice-governador do Paraná, Darci Piana; presidentes dos Tribunais de Justiça dos Estados; desembargadores do TJPR, o chefe da Casa Civil, Guto Silva; a ex-governadora do Paraná, Cida Borghetti; o deputado federal, Ricardo Barros; o senador Flávio Arns; o deputado estadual Tiago Amaral entre outras autoridades.