Cida entrega noca Companhia Independente da PM em Colorado

A região Noroeste do Paraná conta com mais uma unidade da Polícia Militar para atender a comunidade local. A governadora Cida Borghetti instalou nesta sexta-feira (30) a 9ª Companhia Independente da PM, com sede na cidade de Colorado. A estrutura vai atender 13 municípios da região.

“A companhia terá autonomia plena para realizar seu trabalho preventivo e ostensivo. O Governo do Estado está dando condições para que esses homens e mulheres desempenhem cada vez melhor o seu trabalho”, disse a governadora.

Cida fez um balanço dos principais avanços na área de segurança pública ao longo dos oito meses de governo. Citou a promoção de 1,4 mil praças (700 em agosto e 700 em dezembro), o pagamento de promoções e progressões aos servidores públicos que somam mais de R$ 200 milhões, a recente entrega de 166 viaturas para a Polícia Militar e a integração das forças de segurança. “O Governo do Estado se tornou proativo para atender de forma integral a segurança pública”, afirmou. Ela ressaltou ainda a aquisição de coletes balísticos que serão entregues no próximo mês.

A criação da Companhia Independente é um anseio da comunidade do Noroeste. Até então Colorado sediava a 2ª Companhia do 4º Batalhão da PM (sede Maringá) e agora como Companhia Independente passa a ter sede efetivos próprios.

Por hora, o efetivo é de 90 policiais, mas já há estudo para aumentar o efetivo militar, garantiu a comandante geral da PM, coronel Audilene Dias Rocha. “O efetivo será ampliado gradativamente, assim como os recursos próprios”, disse.

Ela disse que a instalação da companhia faz parte da série de novas unidades criadas por decretos da governadora no dia 12 de novembro, durante a sétima reunião de integração das Forças de Segurança, no Palácio Iguaçu.

A 1ª Companhia Independente de PM da Lapa, na Região Metropolitana de Curitiba, foi elevada para 28º Batalhão da PM. O novo Batalhão teve aumento na área de atuação, com maior efetivo e mais equipamentos. Além da Lapa, a unidade vai atender Campo do Tenente, Piên, Quitandinha, Contenda, Rio Negro, Porto Amazonas e Palmeira. Cida autorizou ainda a criação de três novas companhias da PM: na Lapa, em Rio Negro e em Palmeira.

COLORADO – A unidade atenderá os municípios de Colorado, Itaguajé, Santa Inês, Santo Inácio, Santa Fé, Lobato, Nossa Senhora das Graças, Munhoz de Mello, Ângulo, Flórida, Astorga, Iguaraçu e Pitangueiras. Com isso, o 4º Batalhão terá uma readequação de área de atuação para reforçar as ações de segurança pública e passa a atender as cidades de Maringá, Itambé, Marialva, Floresta, Mandaguari, Paiçandu, Doutor Camargo, Ivatuba, Mandaguaçu, Ourizona, São Jorge do Ivaí e Sarandi.

O prefeito de Colorado, Marcos José de Mello, afirmou que a companhia vai mudar o conceito de segurança pública na cidade. Segurando ele, como o município está na divisa com Mato Grosso do Sul e São Paulo muitos problemas de segurança dos estados vizinhos, principalmente de São Paulo, acabam atingindo a cidade.

“Estamos presenciando a transformação da realidade de Colorado e região. A companhia terá mais presença em nossa região e principalmente em Colorado, que sofre com as consequências do entorno dos presídios do estado vizinho”, disse.

POLÍCIA RODOVIÁRIA – A governadora também anunciou a publicação em diário oficial da licitação para aquisição de 70 viaturas para a polícia rodoviária estadual.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fiscalização em Foz para cobrar vacina

A Anvisa e a Polícia Federal iniciaram uma operação conjunta visando ampliar as ações de verificação do comprovante vacinal de pessoas que ingressam no Brasil pelas fronteiras terrestres com a Argentina e o Paraguai. Segundo a Anvisa, serão instaladas barreiras para controle de fluxo na Ponte da Amizade e na Ponte Tancredo Neves.

VR para agentes socioedcativos

A Assembleia Legislativa acatou e aprovou a indicação da Anice Gazzaoui (PL) e dos vereadores do Ney Patrício (PSD) e Edivaldo Alcântara (PTB) que inclui os agentes socioeducativos no programa de auxílio-alimentação a ser implantado pelo governo do Estado. O benefício no valor mensal de R$ 600 será concedido aos servidores das polícias Civil, Militar, Científica e Penal.