Em Campo Mourão, adversários baixam o nível e discriminam estudantes da APAE para atingir Rodrigo Salvadori

Em Campo Mourão, a pré-campanha esquentou e o baixo nível começou a aparecer nas redes sociais nesta semana. O pré-candidato a prefeito Rodrigo Salvadori (PP) foi alvo de ataques virtuais promovidos por pessoas ligadas ao prefeito Tauillo Tezelli (Cidadania), que é pré-candidato à reeleição.

O caso foi registrado em uma postagem de um perfil denominado Aline Morais que, para atacar a honra de Rodrigo Salvadori, insinuou de maneira preconceituosa que o irmão de Rodrigo seria um “louquinho da APAE”.

Para atacar o adversário do atual prefeito, Aline ignorou o fato de que as APAES fazem trabalho de referência em atendimento aos excepcionais.

Perfis seriam ligados a Tauillo Tezelli

O caso se agrava pelo fato de que foram registrados compartilhamentos da mensagem grupos de WhatsApp da cidade por parte de funcionários comissionados da prefeitura e da TV Carajás, cuja direção é ligada a Tauillo Tezelli.

Não estão descartadas ações na Justiça contra os envolvidos.

Eleição em Campo Mourão

Segundo a última pesquisa sobre a corrida à prefeitura de Campo Mourão, divulgada ainda no ano passado, Tauillo Tezelli contava com 23,5% das intenções de voto e Rodrigo Salvadori com 21,5% dos entrevistados. Considerando a margem de erro, a pesquisa mostra um empate técnico. Não houve mais levantamentos desde então.

As eleições na cidade costumam ser disputadas. Na última eleição, Tauillo Tezelli foi eleito com 20.965 votos, ou 51,43%. Já Rodrigo Salvadori obteve 18.656, 45,76%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Paranhos convida ministro Pazuello a visitar Cascavel

O prefeito Leonaldo Paranhos convidou nesta terça-feira, 2, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para anda nesta conhecer a saúde pública de Cascavel e crescimento acentuado de pessoas com covid-19. o prefeito disse que há a possibilidade da visita do ministro na próxima quinta-feira (4). 

 
Paranhos agradeceu o Ministério da Saúde pelos 15 respiradores liberados e que já estão no Hospital de Retaguarda. “Estamos diante de uma realidade muito triste, os números não param de aumentar. Estamos recebendo muita gente da região. A situação é bem precária” afirmou.

O prefeito também solicitou mais 15 respiradores e uma cota extra de vacinas que já está em análise pelo Conasems (Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde). “Acho que vamos conseguir justificar e ter uma cota extra de vacina”.

O momento, segundo o prefeito, é de dificuldade e a realidade é triste, mas que é preciso enfrentar o problema. Paranhos lembra que, no momento existem duas ações de enfrentamento à covid-19, que são a disciplina individual e a vacina. “Como a chegada da vacina nós dependemos dos outros, vamos fazer aquilo que depende de nós: distanciamento e muita disciplina”, afirmou.

Transferência
Ainda nesta terça-feira, Paranhos e o secretário Thiago Stefanello (Saúde) encaminharam ao Ministério da Saúde e à Secretaria Estadual de Saúde um pedido de transferência imediata de pacientes doentes para outras cidades do Brasil. O documento cita na macrorregião existem 160 pacientes aguardando por leitos de UTI ou enfermaria-covid-19.

Prefeito de Foz participa de reunião com a Itaipu sobre ações para o desenvolvimento da região

O encontro reuniu representantes das 16 cidades lindeiras ao reservatório da usina

O prefeito Chico Brasileiro participou nesta terça-feira, 02, de encontro com o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general Joaquim Silva e Luna, no Ecomuseu, juntamente com outros prefeitos e representantes dos municípios lindeiros, a fim de estreitar o diálogo em prol do desenvolvimento da região.

Foi a primeira reunião de 2021 para o alinhamento entre os gestores municipais e a binacional, do qual participaram 14 prefeitos e dois vice-prefeitos das 16 cidades lindeiras ao reservatório da usina.

A intenção, segundo Silva e Luna, foi ouvir os representantes dos municípios e fortalecer a cooperação entre a binacional e as administrações municipais. A Itaipu tem contribuído de forma significativa com a região em investimentos como obras estruturantes, que movimentam a economia e geram novos empregos, e em ações como o suporte no enfrentamento à pandemia de coronavírus.

O prefeito Chico Brasileiro agradeceu o apoio que a gestão do general Silva e Luna tem dado aos municípios. “Nós que somos prefeitos sabemos a diferença que a Itaipu está fazendo no desenvolvimento de nossa região, principalmente trazendo uma visão estratégica em relação ao que seremos nos próximos 20 anos”, afirmou.

Para o presidente do Conselho dos Municípios Lindeiros, Leomar Rohden, a integração entre os municípios é fundamental para a promoção de ações para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos. “Só juntos vamos conseguir desenvolver mais a nossa região. Para isso, contamos com o apoio de todos os prefeitos”.

Ao ouvir as demandas e expectativas dos representantes dos municípios lindeiros – relacionadas a temas variados, como produção de alimentos, saúde e segurança pública -, Silva e Luna disse ter se sentido ainda mais comprometido com a região. “Vamos batalhar juntos para encontrar um caminho de solução. Juntos somos imbatíveis”.

Obras estruturantes

Entre as grandes obras que a Itaipu vem investindo, estão a Ponte da Integração Brasil-Paraguai e a Perimetral Leste, que vai ligar a ponte à BR-277, além da ampliação do Hospital Ministro Costa Cavalcanti, do aeroporto de Foz do Iguaçu e a construção do Mercado Municipal de Foz, entre várias outras. No total, os aportes financeiros – que incluem também melhorias na infraestrutura da transmissão de energia – são da ordem de R$ 2,4 bilhões e permitiram a criação de mais de 2,5 mil empregos.