Arquivos

Categorias

MDB recebe Rosa Jerônymo em ato suprapartidário

MDB recebe Rosa Jerônymo em ato suprapartidário

Ocorreu neste sábado (9) o ato suprapartidário do MDB, para receber a ex-secretária Rosa Jerônymo

Um ato suprapartidário, o MDB recebeu neste sábado, 9, a ex-secretária de Saúde, Rosa Maria Jerônymo que se filiou ao partido no dia 31 de março. A filiação da psicóloga e servidora municipal representa a reconstrução do partido que já tem em seus quadros, a vereadora Yasmin Hachem; o secretário Nilton Bobato (Administração) e o presidente do Foztrans, Licério Santos.

Leia também

Rosa Jerônymo destacou a participação feminina na política representa pela pré-candidata a presidência da República, a senadora Simone Tebet (MS). “É um momento muito importante ao país, Paraná e a cidade. Para mim é motivo de muita satisfação. Foi preciso muito diálogo para que pudesse tomar esta decisão”, disse a ex-secretária que observou que o MDB é o primeiro partido que se filia em mais de 20 anos.

Anúncios

O ato contou a participação do prefeito Chico Brasileiro, da vereadora Yasmin Hachen, do ex-prefeito Sâmis da Silva (PSDB) e do vice-presidente estadual do MDB, Renato Adur. “Por muitas vezes vi as pessoas com cara de espanto quando dizia que não tinha filiação partidária”, disse.

Retomada

A psicóloga sempre teve uma participação ativa na política e já acompanha Chico Brasileiro desde as eleições para vereador em duas legislaturas, deputado estadual, vice-prefeito e agora no segundo mandato como prefeito de Foz do Iguaçu. Ela afirmou que acompanhou, na década de 1980, a participação decisiva do MDB na retomada democrática.

Anúncios

O partido, vanguarda na oposição ao regime militar (1964-85), em 1979, decisivo na anistia aos exilados políticos, liderou a campanha pelas Diretas Já! em 1984 e na aprovação da constituição cidadã de 1988. “Tudo isto me fez lembrar que estava entrando em um partido de história e de luta. E eu sou uma mulher de luta uma pessoa que me engajo nas causas, porque acredito nelas”, disse.

Participação

Rosa Maria destacou ainda a importância das mulheres emedebistas na criação do Conselho Nacional dos Direitos das Mulheres. “Somos a maioria dos eleitores deste país, mas somos subrepresentadas nas câmaras legislativas e no poder executivo”.

Anúncios

“Importante que este dialogo seja fortalecido, uma verdadeira democracia só se consolida quando homens e mulheres dialogam, combinam as coisas pensam projetos juntos”, afirmou. Rosa Maria lembrou a participação da senadora Simone Tebet, pré-candidata do MDB a presidência da República. “Isto é um avanço fantástico, ter uma representação feminina”.

Pré-candidaturas

A vereadora Yasmin Hachem disse que é muito importante a defesa da democracia e a participação da mulher na política. “Recebemos hoje uma mulher extraordinária, de extraordinária competência e dedicação nas lutas em defesa dos direitos humanos e da cidadania. É um exemplo de participação na política de Foz e Paraná”.

Anúncios

Yasmin recordou que a Secretaria de Direitos Humanos e Relações com a Comunidade ocorreu devido a ação e persistência de Rosa Maria. “Ela sabe da importância da participação popular e da obrigação da administração pública em levar a sua ação até as pessoas que usufruem e dependem das políticas públicas”.

O vice-presidente estadual, Renato Adur, espera que Rosa Jerônymo e Yasmin Hachem sejam escolhidas pelo partido na disputa das eleições proporcionais de 2 de outubro. “São duas mulheres de luta que podem levar a pauta da saúde e dos direitos humanos nos parlamentos estadual e federal. O MDB vai fazer uma chapa forte de mulheres”.

Anúncios

Suprapartidário

O prefeito Chico Brasileiro lembrou a presença e o esforço de Adur e dos presidentes do diretório municipal e do MDB Mulher de Foz, Licério Santos e Neuza Assunção, para filiação de Rosa Jerônymo. “A Rosa é muito criteriosa e só toma uma decisão com muita convicção. E a decisão dela foi exatamente por que enxergamos que a vida política brasileira hoje precisa de engajamento e não de gente que desista de suas lutas”, ressaltou.

O prefeito destacou ainda a participação de lideranças partidárias, do ex-prefeito Sâmis da Silva, da vereadora Anice Gazzaoui (PL), e dos vereadores Jair Cardoso (DEM) e Valdir de Souza Maninho (PSC).

Anúncios

Reconstrução

Com a filiação de Rosa Maria e a eleição da vereadora Yasmin Hachem, o MDB busca o protagonismo dos anos 1980 a 2000 e grande inserção popular, afirma o presidente do diretório local, Licério Santos. O partido liderou a retomada democrática de Foz do Iguaçu e elegeu por duas vezes Dobrandino da Silva prefeito e para três mandatos na Assembleia Legislativa.

O MDB elegeu ainda Sâmis da Silva deputado e prefeito, Sergio Spada, Claudio Rorato e Arialba Freire deputados federal e estadual. O partido hoje faz parte da base apoio dos governos Chico Brasileiro em Foz e Ratinho Junior (PSD) no Paraná.

Anúncios